Clique aqui no logo para voltar ao início
no site na web

Empreendedores lançam startup para quem tem carro, mas não tem seguro

Share |

25/02/2016 – REVISTA COBERTURA MERCADO DE SEGUROS

Empreendedores lançam startup para quem tem carro, mas não tem seguro

Aplicativo para smartphone, Reboque.Me localiza guincho mais próximo para socorro, e também fornece troca de pneu, carga de bateria e combustível. Empresa, que conta com 400 reboquistas em sua base, já está operando em BH, no Rio e em SP, mas possui parceiros cadastrados em todo o país. Segundo Federação Nacional de Seguros, só 30% da frota é segurada

Um smartphone na mão, uma ideia na cabeça. Em tempos de empreendedorismo - e de crise - a todo vapor, essa sequência tem se tornado cada vez mais frequente no Brasil. Foi exatamente o que aconteceu com Samuel Freire. No trajeto diário casa-trabalho, em Belo Horizonte, ele percebeu que, ao contrário do que indica o senso comum, nem todo mundo que tem carro, tem seguro. Segundo a Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), apenas 30% dos veículos do país tinham seguro em 2014. A frota brasileira, de acordo com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), é de 90 milhões de veículos - 44 milhões só no Sudeste. Os dados são de outubro de 2015.

Foi então que Samuel resolveu criar a Reboque.Me, aplicativo de celular que localiza o guincho mais próximo do motorista em apuros. Além de remover o veículo enguiçado, é possível pedir ajuda para trocar um pneu, recarregar a bateria ou até mesmo para falta de combustível. Após localizar o reboque mais próximo, o aplicativo disponibiliza em um mapa, na tela do smartphone, o trajeto e a localização exata do guincheiro até o cliente – tudo em tempo real.

“Percebi que existia uma demanda não atendida. Por que não usar a tecnologia para conectar motoristas e reboques? Melhor ainda: por que não ajudar os dois? Afinal, o reboque também precisa de  clientes”, diz o fundador da empresa, analista de sistemas de 30 anos, pós-graduado em tecnologia.

O app é gratuito, tanto para clientes, quanto para parceiros. A plataforma foi lançada em junho e está disponível para os sistemas iOS e Android. A empresa conta com 400 reboques em sua base, e 1000 clientes já baixaram o app. Além de BH, onde o projeto começou, a Reboque.Me também já está operando no Rio e em São Paulo. E não vai parar por aí.

Planos de crescimento

Fundador da Reboque.Me, Freire associou-se a Mauricio Terra. Aos 43 anos, experiência de uma década no mercado de seguros, mestrado em administração e com formação executiva na Wharton Business School, Terra é carioca e tem a tarefa de ajudar Freire a levar a startup a todo o país. A dupla, que já investiu R$ 250 mil no negócio, está conversando com investidores para ampliar operações.

“Eu e Samuel costumamos falar que, se por um lado, o Uber quer melhorar a mobilidade das cidades, a Reboque.Me quer solucionar o problema de imobilidade dos veículos. Pior que o carro enguiçar, é não ter quem ajude. Quem nunca passou por esse tipo de situação? Se o carro parou, seja por pane elétrica, bateria fraca, pneu furado, falta de combustível, ou um acidente, nós temos uma proposta de solução mais simples, rápida e segura – e na ponta dos seus dedos”, diz Terra.

O preço - que, muitas vezes assusta os motoristas justamente na hora do aperto – também é um ponto central da estratégia da Reboque.Me. “Oferecemos uma clara política de preços, tanto para o parceiro quanto para o cliente; isso evita barganha durante o atendimento, um momento crítico para quem está precisando de ajuda, na rua ou na estrada”, diz Samuel.

“Se considerarmos apenas automóveis leves e motocicletas, estamos falando de 50 milhões de veículos não segurados no Brasil. As seguradoras ainda não conseguiram redefinir seus modelos de negócios ou buscar novas estratégias para alcançar esse grupo, que não tem seguro. As associações, que atacam esse segmento, cobram taxa de adesão e mensalidade, o que também gera altos custos para o cliente, além de, em muitos casos, não estarem devidamente alinhadas às disposições legais da Susep. A Reboque.Me traz uma proposta atrativa para esse público – na Reboque.Me, você só paga se usar o serviço - , e entende que ele também precisa ser amparado – é uma questão de utilidade pública para nós, de cidadania”, diz Terra.

 
Enviar para um amigo Imprimir
 
Voltar


Revista Cobertura e Clipp-Seg produtos Cobertura Editora Ltda
Rua Conselheiro Crispiniano 53 - Conjunto 121 São Paulo - SP Cep 01037-001 (11) 3151-5444 3151-3629 3231-0576 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS® SKWEB É MAIS UM PRODUTO DA COBERTURA EDITORA©
skweb@skweb.com.br

  Nipotech Brasil Tecnologia